quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Que ano...

O que posso dizer de 2015? Posso dizer que foi pior que o ano em que te perdi, porque naquele ano por 8 meses vivi contigo, no ventre, no colo... Um ano de desesperanças... Um ano a menos sem você... Um ano em que a saudade só aumentou... Um ano que eu tentei me refazer... Tentei sonhar de novo... Tentei... Mas não deu... Um ano que eu percebi que eu tenho que caminhar, mesmo sem você... Um ano que eu quase desisti desse nosso cantinho e comecei a escrever menos, um pouco sem vontade... Porque não sei se você lê ou vê ou sente o AMOR que tento te enviar... Um ano que podia pular... Como 2016, 2017, 2018...Passa logo, Passa! Quero te encontrar!

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Crianças não morrem...


Para as mãezinhas de anjo como eu:

Sabem que as crianças são anjos sem as asas que o céu nos manda pra iluminar a vida. Anjos que nos mostram onde está o caminho da felicidade, do nosso destino.
O sorriso de criança é como uma estrela que brilha tão distante traz a esperança faz nascer o sonho, traz a alegria e nos damos conta que seguimos vivos...

Crianças não morrem... Só vão para o céu, colocam suas asas, acendem a alma e voam tão perto... Crianças não morrem se vão por um tempo. Descem das nuvens e nascem de novo em outro pequeno (...). Pequeno anjinho... Alma pura de pequeno, não vai embora e fica comigo porque eu te preciso, crianças não morrem só vão para o céu...


terça-feira, 29 de dezembro de 2015

VIROU ESTRELA

É preciso ser valente para enfrentar o mundo. Entender que ele nasce e morre a cada segundo. O que nos parece o fim, pra ELE é o começo de tudo. Não morreu, apenas se encantou. VIROU ESTRELA, em estrela se disfarçou. É preciso ser valente para enxergar no escuro. Ver a vida como é. E acreditar que há futuro. Se pra nós o fruto é verde pra DEUS deve estar maduro. É preciso ser valente pra aceitar sua vontade, mesmo quando dói na gente e rouba nossa preciosidade. Ontem estava aqui presente, hoje já virou saudade. Não morreu, apenas se encantou. VIROU ESTRELA, em estrela se disfarçou."

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Ontem..

Letícia ontem mamãe e papai foram no aniversário de 1 aninho da filha da amiga da mamãe. Ah, como não se lembrar de você, como não pensar como seria sua festinha, como não pensar que você podia ter ido conosco... Ah, você gostaria tanto... Tinha pirulito, machmello, docinho, salgadinho, tudo o que criança gosta, você iria brincar com as filhas das amigas da mamãe... Foi difícil... Sem você... Te amo!

domingo, 27 de dezembro de 2015

Porque não foi assim com você?

Letícia hoje a mamãe e o papai vão no aniversário de 1 ano de uma amiga da mamãe, esta menininha também nasceu prematura, como você, mas está aí comemorando seu 1º aninho...Porque não foi assim com você? Porque não pude fazer uma festinha pra você? Porque você não está aqui comigo para irmos à festinha juntas? Ah, eu iria te colocar um vestido lindo, você iria comer brigadeiro, bolo, tomar refri, sujar todo o vestido lindo que a mamãe iria colocar em você... Mas eu não iria brigar contigo, iria sorrir muito... Te amo!Me dê forças minha anjinha!

sábado, 26 de dezembro de 2015

Foi uma noite infeliz...

Mais um Natal passou...Este Natal chorei, chorei muuuito...Chorei depois de cantar Noite feliz...Porque não é o que eu sinto, chorei pelos foguetes de alegria que eu escutava... Por não te ter aqui, por esta vida vazia, pelo silêncio da minha casa, pela desesperança...Por tudo...Por você, não adianta? Mas alivia...

Fiquei observando uma pessoa que chorava dizendo que queria ter comprado presentes melhores para seus filhos... Eu... Só queria você, minha filha... Te amo!
Sei que não estive sozinha nesta Noite Infeliz...

Noite feliz e ao mesmo tempo triste.
Feliz quando nos lembramos de pessoas importantes para
nós, pessoas que amamos.
Nos reunimos com algumas
destas em clima de confraternização.
Triste porque também há aqueles momentos em que as
lembranças nos levam para lugares distantes e nos faz
lembrar de entes queridos
Que nos deixaram e hoje nos faz muita falta ,nos traz
muitas saudades.
Essa é a Noite de Natal!
Uma noite com brilho e muita iluminação, mas também
muitas sombras e solidão para alguns.
Noite que muitos alcoolizados e imbuídos de uma falsa
alegria se esquecem do personagem principal dessa festa
… JESUS !
A ele principalmente devemos comemorar,
pois é Noite de Natal.

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

natal

Como ter um Natal feliz sem nossos filhos queridos. Sem você Letícia, todas as luzes do Natal perderam o brilho, nada mais tem cor , nada mais tem vida.
E na minha dor, procuro pensar em você minha anjinha, em um lugar muito bonito, com o coração cheio de paz, cheio de amor, a nossa estrela no céu.
Sei também que sentes saudades, mas, o que acalma o meu coração é saber que, pelo menos o seu Natal, será lindo, com muitas luzes e muito amor, afinal de contas você vai passar ao lado do aniversariante mais ilustre.
Feliz Natal Letícia eu te amo demais. A saudade é muito grande, mas sigo com fé em Deus aguardando o tão esperado momento do nosso feliz reencontro.


Queria também desejar um Feliz Natal, a todos os queridos amigos que seguem o meu blog e tanto me ajudam com palavras de força e fé, não imaginam a gratidão que sinto por todos vocês.

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Já se passaram 5 Natais sem você...

É Letícia, longos 5 natais que poderíamos passar juntas...

Todo ano nestas festividades sinto você bem perto de mim, sei que vem lá do céu para ficar ao meu lado e isto é que me fortalece, o amor que nos une, o amor eterno que gerei com você minha anjinha escolhida por mim para ser a minha luz e meu orgulho de mãe.

Sabe Letícia, não importa quanto tempo tenha passado, não importa quanto tempo ainda vamos ficar separadas em planos diferentes, o que realmente importa é que você me escolheu para ser sua mãe e me esperará para me abraçar quando eu aí chegar e juntas vamos viver o tempo que não ficamos juntas, embora nosso coração bate no mesmo compasso, o compasso do amor e da saudade.

Obrigada Letícia pelos dias de amor que me deu.


Até um dia Letícia, até lá fico com metade do seu coração e você leva metade do meu, pois não podemos viver um sem o coração da outra.

Te amo além da vida. te amo eternamente.

Oração de Natal

Senhor, nesta Noite Santa, depositamos diante de Tua manjedoura todos os sonhos,
todas as lágrimas e esperanças contidos em nossos corações.

Pedimos por aqueles que choram sem ter quem lhes 
enxugue uma lágrima.

Por aqueles que gemem sem ter quem 
escute o seu clamor.

Suplicamos por aqueles que Te buscam sem saber 
ao certo onde Te encontrar.

Para tantos que gritam paz, quando nada mais 
podem  gritar.

Abençoa, Jesus, cada pessoa que sofre, colocando 
em seu coração um pouco da luz eterna que vieste acender
na noite escura na nossa fé.
Fica conosco, Senhor !

Assim seja.


quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

Nós vamos passar o Natal na casa de Deus.


Seus sorrisos eram contagiantes, o riso cheio de uma profunda alegria, mal podiam acreditar em toda a beleza que estava diante dos seus olhos. Foram preenchidos com tanta paz que não sabiam o que dizer, nem se lembraram de nada ruim que teria os acontecido em qualquer outro lugar. Nesse instante uma menina recém chegada perguntou "- Onde estamos?", tão tranquila como um passarinho. "- Isso é o céu.", declarou um pequeno menino "- Nós vamos passar o Natal na casa de Deus.
Quando estavam tentando entender e lembrar como foram parar lá, o que seus olhos viram era uma figura envolta em uma luz muito brilhante e transmitindo uma paz enorme: era Jesus, nosso Salvador, as crianças logo o reconheceram e reuniram-se ao redor Dele. Jesus olhou para os pequenos e sorriu, e eles sorriram de volta. Então Jesus abriu seus braços e os chamava pelo nome. Esse momento foi de intensa alegria, uma que só o céu pode trazer às crianças, cada um deles correu para os braços de seu Rei. Quando todos estavam aconchegados no calor do seu abraço, uma pequena menina virou e olhou para o rosto de Jesus e como se Ele pudesse ler todas as perguntas que ela tinha para fazer-lhe, Jesus sussurrou suavemente para ela...
"- Eu vou cuidar de sua mamãe e de seu papai."
Após dizer essas palavras Jesus olhou para baixo, na Terra, e viu toda a tristeza, toda a inconformidade e a dor nos pais dessas crianças, fechou os olhos e estendeu a sua mão, dizendo:
- Deixe meu poder e presença novamente agir nessa terra, que por hoje toda a dor e saudade sejam abafados pelo amor que tenho por vocês e que vocês tem por cada anjo lindo que está em minha presença.. cada mãe e cada pai sentiram-se invadidos por uma onda de ternura que tinha sabor de eternidade, uma beleza sem par.
E então em seguida, Ele e os nossos filhos levantaram-se e Jesus disse"Vinde, pois, meus filhos, vou mostrar-lhes”.
A emoção encheu o espaço, alguns saltado e alguns correndo. Todos exibindo um entusiasmo que apenas uma criança pequena tem, então cada criança pode observar seus pais tomados por uma paz como a algum tempo não viam, esse foi o presente de
Natal que cada anjinho deu aos pais, eles em pensamento agradeceram a Jesus, e ouviu-se Ele proclamar:
"Em meio a essa escuridão, eu ainda sou a luz."
Se uniram e foram para um lugar ainda mais belo e festivo para comemorar!

(escrito por Tatiana Oliveira baseado no poema de camafeu Smith de Mt. Wolf, PA.)

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Tudo o que eu quero neste Natal é você Letícia!

Tudo que eu quero no natal é você 
Eu não quero muito neste natal
Só tem uma coisa que eu quero
Eu não me importo com os presentes
Embaixo da árvore de natal
Eu só te quero pra mim
Mais do que você pode imaginar
Faz com que o meu desejo se realize
Tudo o que eu quero neste natal é você 
...

Eu só te quero pra mim
Mais do que você pode imaginar
Faz com que o meu desejo se realize
Tudo o que eu quero neste natal é você, você baby...
E todo o mundo está cantando
Eu escuto aqueles sinos tocarem
Papai noel, não vai me trazer
A única coisa que eu realmente preciso?
Por favor traga meu baby rápido


Ohh eu não quero muito pra este natal
Isso e tudo o que eu estou pedindo
Eu só quero ver meu baby
Parado na minha porta


Oh eu so te quero pra mim
Mais do que você pode imaginar
Faz com que o meu desejo se realize
Oh baby tudo o que eu quero neste natal é você


Tudo o que eu quero neste natal é você, oohh baby

All I Want For Christmas Is You



segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

NATAL!?

Faço minhas as palavras da minha amiga Lígia, mãe da anjinha Maytê, Já são cinco Natais e continuo a me sentir assim: “Neste período, assim como em outras datas marcantes e especiais, nossos sentimentos se misturam, temos sentimentos de revolta, de melancolia, uma vontade enorme de gritar, de chorar. Buscamos para a dor um remédio que não existe”

Não vou me prender aos significados do Natal, até porque cada um de nós o vimos de uma forma diferente, principalmente se levarmos em consideração a crença de cada um. Mas de uma forma em geral, a semana do Natal e do Ano Novo, é vista como um período de festas, de confraternizações, família reunida, casa cheia, mesa farta e muita alegria.
Sendo assim parei para refletir em minha condição, e na condição de muitas outras pessoas que assim como eu passaram por uma grande perda. Após a perda da minha filha, minha maior dificuldade, o que até mesmo após 02 anos e 9 meses ainda me tortura, é deixar de viver o presente para viver de passado, é deixar de acreditar em um futuro promissor e se convencer que tudo acabou e que daqui pra frente o futuro é incerto, ao menos para aqueles que tanto amamos e consequentemente para nós, porque paramos, nos estagnamos, exatamente no momento que os perdemos.
Por mais que digam, e mais uma vez vou ressaltar que tudo que dizem é inútil: “a vida continua... Deus tinha algo melhor pra ele... Ao menos não está sofrendo... Você precisa ser forte... Com o tempo você vai se recompor... e blá, blá, blá”. Quem passa por uma grande perda, precisa fazer um esforço enorme para aprender que o que um dia foi o “Presente”, hoje não passa de uma “Pretérito” do tipo: “Ele viveu, ele amou, cumpriu...” Ou então no “Preterito Imperfeito”: Ele vivia, ele amava, ele cumpria, ele adorava...” não o bastante aquele “Futuro” se apresenta a nós como passado. Como assim eu pergunto?! Como algo que não chegou acontecer pode se tornar um passado? Sim: “Ele viveria, ele amaria, ela falaria, cantaria...” E por ai vai de acordo com as lembranças de tudo que vivemos ao seu lado...
Por isso eu faço um apelo: Neste período, assim como em outras datas marcantes e especiais, nossos sentimentos se misturam, temos sentimentos de revolta, de melancolia, uma vontade enorme de gritar, de chorar. Buscamos para a dor um remédio que não existe.
A saudade se faz presente e aumenta com o tempo, a angustia de nunca mais poder rever quem tanto amamos nos sufoca. Uma voz se calou, um silêncio se fez presente. Procuramos feitos loucos acreditar que a vida continua em um outro plano, mas há nossa frente é só escuridão. O sofrimento é imenso, falta palavras para expressá-lo e durante todo ano fazemos uma força imensa para se manter de pé. Mas há momentos, há datas, a lembranças que nos machucam ainda mais.
Então neste natal não faça cobranças, procure ser solidário e compreensivo com a dor do seu próximo, sinta-se agradecido por não ter passado por tamanho sofrimento, se faça presente, seja amigo, mais do que falar de Deus e do Seu amor, viva Deus, dê amor. Por que assim diz a palavra: “Em todo tempo ama o amigo e na angustia nasce um irmão”. Então seja um IRMÃO.
Lígia de Aquino

domingo, 20 de dezembro de 2015

Minha anjinha sapeca

"Quando morre um bebê é porque ele era um anjo muito sapeca que fugiu do céu para encontrar aquela que ele tanto queria chamar de
mãe.
Sim nossos filhos são anjos e antes de nascerem eles escolhem quem será sua mãe.
Esses anjos são tão apaixonados por suas mães querem tanto se acolherem dentro do seu ventre e senti-la, que escapam do céu, Deus quando percebe pede para o anjo sapeca voltar, afinal não estava ainda no momento certo de conhecer sua amada mãe, tudo na vida tem um porque, explica Deus aos anjos. Assim fazendo com que os bebês morram...
Nós mães não aguentamos a dor da perda de um filho, ainda mais do tão
esperado filho, e Deus vê aquele amor enorme capaz de tudo por aquele anjinho, e vê também o anjinho que não aguenta de saudade de sua mãe,
então ele fala: Agora vocês estão prontos, precisavam saber a dor da perda, eu tiro quando não era pra ser, mas agora lhe devolvo para
aquela que te ama tanto quanto eu.
E assim quando você menos espera em você irá bater dois corações, e mal sabe que o coração que em ti bate é o mesmo coraçãozinho que ao seus braços parou de bater, e dessa vez ele vem perfeito e pronto pra passar o resto da vida com você. Afinal o que Deus uniu, nem o homem nem nada separa."

sábado, 19 de dezembro de 2015

Não há palavras

"Não há palavras humanas que expliquem essa dor"
A perda de um filho é chamada a pior perda. Ela mexe com a profundidade de sua estima, sua fé e sua vontade. Você nunca mais será o mesmo e isso pode frustrá-lo, e outras pessoas próximas a você. Não deixe que ninguém lhe dizer que há um limite de tempo para o seu sofrimento. Não há. Se uma criança perde seus pais, é chamada de órfão. Se uma mulher perde seu esposo, uma viúva. Se o marido perde a esposa, ele é chamado de um viúvo.
Se uma mãe ou pai perde seu filho ou filha, não há nome para isso. É solitário e trágico. Não há palavras, por isso, quando outros tentam nos confortar com palavras, não é simplesmente aceitável. Às vezes o que nós realmente precisamos é de ser abraçado, ou permissão para estar em paz com nossos pensamentos. E compreensão. Se Deus não pode nos explicar agora o que houve, quem aqui pode? Entendemos a boa intenção, mas é uma questão de respeito à nossa dor.
Do site "Breath of Hope"

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

A máscara que uso



Há lágrimas por trás do meu sorriso
E a máscara que uso é chamada de negação.
A vida verdadeira é trágica
Esta dor da perda não vai curar nunca!

Ninguém tem uma única pista do quanto
ainda dói em mim te perder
Embora eles achem que estou indo bem
Às vezes sinto que quase chego a perder minha sanidade.


As memórias são tudo o que me resta
Após o terrível roubo de sua vida.
Meu coração dói além do suportável
No fundo, na minha alma.

Há lágrimas por trás do meu sorriso
E a máscara que uso é chamada de negação
Eu chorei até ficar sem lágrimas
E tem sido assim por anos...

Não encontrei nenhum lugar para me esconder
Onde quer que eu vá, levo essa dor comigo, levo tudo aqui dentro.
Não há palavras terrenas para explicar
O tipo de vida que tenho desde que você partiu.

A cada dia mais vejo os sinais de que
Você estava aqui o tempo todo, não perto, mas não muito longe
Eu jogo um jogo dentro do meu coração
finjo que você nunca se afastou de mim.

Há lágrimas por trás do meu sorriso
E a máscara que uso é chamada de negação
Falta você aqui, meu filho...
Quando você estava aqui eu realmente sorria!

Mas quando chego em casa à noite
tiro a máscara para minha família e amigos,
que sabem como realmente me sinto!

Wilma Anderson
trad. Flávia Rott
 — com Aires Barbosa.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Seriam 4 anos e meio de felicidades!

Letícia minha anjinha linda, estaria completando hoje 4 anos e seis meses. Mas, mesmo não estando aqui ainda assim é dia de comemorar, pois há 4 anos e seis meses nascia uma mãe, há 4 anos e seis meses nascia um anjo que mudaria a minha vida para sempre! Nada pode apagar aquele momento em que te vi pela primeira vez... Você foi e sempre será especial em nossas vidas, e este dia será lembrado enquanto eu respirar. Daria tudo para estar levando você ver o Papai-Noel, mas não foi assim que Deus quis. Fico olhando outras crianças e imaginando como você estaria, mas o que me resta é me conformar e esperar o grande dia do nosso reencontro. Tenho certeza que aí no céu você está muito bem e isto tem confortado o meu coração. Que Papai do céu possa te dar um beijinho e um abraço pelos seus 4 anos e seis meses por mim....Meu Deus, cuida de quem eu não posso mais cuidar...

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Vou te amar eternamente!

Letícia
(...) “cada verso meu será
Pra te dizer que eu sei que vou te amar

Por toda minha vida “
(Tom Jobim)

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Sempre e para sempre!

 Letícia a mamãe ama você. 
Sempre e para sempre!
Por toda a minha vida. 
Você é e sempre será a minha bebezinha amada!

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Por toda a minha vida!

Letícia
“Eu sei que vou sofrer
A eterna desventura de viver a espera
De viver ao lado teu
POR TODA A MINHA VIDA.”

(Tom Jobim)

domingo, 13 de dezembro de 2015

Sempre amada e Nunca esquecida!

Todo segundo domingo do mês de dezembro, todas as pessoas que perderam filhos no mundo inteiro, acende uma vela em memória dos filhos que partiram, às 7 h da noite, deixando ela acessa por uma hora. Esse evento é organizado pelo "The Compassionate Friends", dos Estados Unidos. Aqui nossa amiga Cassia Cohen da página do facebook “Mulheres Feridas que Voam” nos engajou neste projeto.
Este gesto bonito mostra que, embora alguém pode ter ido deste mundo, sua memória perdurará, e à luz de sua chama vai continuar a inspirar e guiar os outros. Worldwide Vela Dia Lighting é uma celebração da solidariedade e da memória. É um dia em que as pessoas de todo o mundo se reúnem para acender velas para as crianças que morreram e para mostrar que eles serão sempre amados e nunca esquecidos. As velas são acesas ao mesmo tempo em todos os fusos horários, o que significa que um brilho quente consistente passa ao redor do planeta para um dia completo de 24 horas.
Letícia, jamais esqueça do quanto és amada!
Saudade e lembranças foram tudo o que me restou.
Te amo minha filha. Te amo Letícia
Hoje e sempre.

Eternamente

sábado, 12 de dezembro de 2015

Como seria...

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Difícil entender...

Só o tempo ira fazer com que eu supere a perda da minha bebê, esta cicatriz talvez fique para sempre porque esquecer é impossível. É difícil compreender o porquê de a minha filhinha ser levada deste mundo para o outro, mas eu creio que um dia terei esta resposta, por enquanto procuro pensar que Deus fez o melhor por nós. Com tantas palavras escritas não expressão tamanha dor que sinto pela perda da minha filha. Mas foi a única forma que achei de me distrair e tentar entender o porquê de você não estar aqui comigo nesse momento. Não me daria prazer maior no mundo de que se você estivesse aqui do meu lado agora, mas como sempre peço a Deus que me auxilie, no momento que eu estou escrevendo pra você Ele me diz pra que eu não me preocupe, pois ele esta cuidando muito bem de você minha princesa.Te amo!

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

4 anos e 4 meses de saudades

Confesso que ainda dói muito sua partida, espero o momento dessa dor transformar-se em apenas saudades... Será que esse dia chegará?!

Sua mamãe continua aqui pensando todo dia, todo instante em você, como estaria linda e esperta agora! Mas com certeza você está!! Linda e maravilhosa de anjo, agraciando o céu e nos iluminando aqui em baixo! Algumas vezes sinto sua presença e isso me emociona e me acalma; saber que está bem e feliz é tudo o que desejo uma vez que meu maior desejo não pode ser realizado... Ter-te aqui, te ver crescer...

Continuarei vivendo um dia de cada vez a espera de reencontrá-la e juntas sermos felizes por completo... Anseio por este momento...

Te amo muito e a cada dia esse amor aumenta, chego a pensar que meu coração irá explodir de tanto amor e tanta saudades...

Fico por aqui, pois por mais que queira palavras não exprimem tudo que sinto por você, então sinta só esse amor por ti.


Minha querida, mamãe está morrendo de saudades... Tanta... E já se passaram 4 anos e quatro meses sem você... Quanto tempo filha... Nem sei mais o que dizer e o que pensar, essa vida é louca demais, o mundo em si é muito louco, sem sentido... E isso me deixa triste... Queria muito estar aí contigo, onde tudo deve ser bem diferente... Pense em mim filha e me envie forças para continuar... 
Te amo...

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Te amo!

Te amo demais florzinha mais perfeita do meu jardim!

Meu amor mais perfeito! Hoje e sempre no meu coração...

terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Recado da minha anjinha:




"Quando você olhar à noite para o céu, eu me sentarei na mais bela de todas as estrelas e te acenarei. Eu te enviarei alento e luz, para que você possa me ver no seu mundo e não me esqueça. Triste, você não deve mais ficar, pois veja só: agora eu tenho a minha própria estrela!"

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Sempre!


Letícia você sempre estará aonde quer que eu vá... 
Aqui dentro do meu coração!

domingo, 6 de dezembro de 2015

Mamãe eu sou o teu anjo e sempre serei

"O que separa eu de você mamãe é apenas a matéria, pois o nosso espírito está ligado pelo amor eterno. Mamãe se você soubesse como estou feliz, como é lindo o céu, não ficaria lamentando a minha ausência. Eu apenas estou onde todos um dia estarão, pois todos retornarão para Deus. Alguns anjinhos mamãe retornam mais cedo para casa e outros anjos um pouco mais tarde, mas todos retornam quando o papai do céu chamar de volta. Você sabia que existem muitos anjos em seu meio, mas eles não têm asas, mas são chamados apenas de amigos que vem para te consolar e enxugar suas lágrimas. Quando te vejo chorando mamãe, me entristeço, pois sei que você não está sendo submissa a vontade de Deus. O que te faz pensar mamãe que Deus não sabe o que está fazendo? Será que Deus seria tão injusto assim com você mamãe? É claro que não, um dia você saberá de toda verdade que está acima dos céus e abaixo da terra. E então entenderá o motivo de tudo isto, mas saiba mamãe que nós anjos, quando partimos, deixamos sempre uma mensagem de luz para sua vida, quem sabe você não esteja precisando ser uma pessoa melhor?
Sofrer é uma opção de vida, mamãe você pode escolher ser feliz ou ficar chorando a vida toda, nada do que você faça reverterá à decisão tomada por Deus. Uma palavra lançada, jamais retorna para onde veio quanto mais uma vida ceifada no seu devido tempo.
Não pense mamãe que eu mesmo retornarei para o seu ventre, é bem provável que isto não aconteça, mas virá sim outro anjinho ou anjinha que será tão amado quanto eu fui, receba o com carinho, mas não pense que ele sou eu, pois eu sou único e o nosso amor é eterno. Mamãe eu sou o teu anjo e sempre serei, mas eu quero que você viva cada dia intensamente, como se fosse o último dia de sua vida. Porque ficar perdendo tempo chorando, se entristecendo, enquanto a vida é tão curta. Transforme o seu dia cinzento em um dia mágico, colorido, permita-se ser feliz, corra atrás de seus sonhos e certamente você os realizará. De nada adiantará você parar no tempo, ficar chorando sobre a minha sepultura, pois eu não estou mais ali, estou no céu no colinho de Deus. Faça a vontade de Deus mamãe e siga em frente, pois a vida continua, seja forte por mim... "Mensagem de um anjo.. Seu amor eterno.

sábado, 5 de dezembro de 2015

E será assim até o dia do reencontro.

Então fica combinado assim: Eu não posso mais cuidar de você, porém; agora você cuidará de mim.
Será sempre a minha inspiração nos dias cinzentos;
Ocuparás sempre o 1º lugar no meu coração;
Guiarás meus passos quando as lágrimas tornarem minhas vistas turvas;
Será o sol que me aquece, a brisa que me refresca;
Meu primeiro pensamento ao acordar, meu ultimo pensamento ao adormecer;
Preencherás meu dia e mesmo estando cheia da sua ausência te encontrarei nos mínimos detalhes: em um sorriso, uma flor, no canto dos pássaros, nas ondas do mar, no nascer do sol e no entardecer, na noite que com a sua magia me convida para admirar as estrelas e nela te encontrar;
Velarás meu sono;
Contigo sonharei...

E será assim até o dia do reencontro. Porque o Laço de Amor é Eterno, nunca se desfaz, mesmo após uma triste partida. (Ressuscitando sonhos)

sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

Pinheirinho da minha anjinha

Este ano estou mais desmotivada que os últimos quatro, penso que esta falta de motivação vem da mesmice do dia a dia, do desejo de reencontrar minha anjinha, da alegria que este mês traz... 
Então este ano pensei em não montar o pinheirinho que sempre monto para minha anjinha... Sei lá... Talvez ela nem vê... 

A pedido do papai da Letícia fui comprar um pisca para colocar em casa, sem querer coloquei os olhos nos enfeites de pinheirinho, não que eu quisesse meu pinheirinho é um verdadeiro pinheirinho de penduricos...
Mas um me chamou a atenção, nunca tinha visto... Anjinhos! Já imaginei o pinheirinho da Letícia cheia de anjinhos! 

Minha anjinha espero que goste! Te amo!


quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

PERDER ALGUÉM QUERIDO



Não há palavras para expressá-la. Não há livro que a descreva. Por isso, o melhor jeito de consolar é falar pouco, orar junto, sentir junto e estar presente, cada um do jeito que sabe.
Para onde? Para quem? Está me ouvindo? A gente vai se ver de novo? Como será nosso reencontro? Por que agora? Por que desse jeito? As perguntas feitas insistem em aparecer e as respostas não parecem claras. Dói, dói, dói e dói...
Então, a gente tenta assimilar o que não se explica. Cada um do seu jeito.
Um dia nos veremos de novo... Junto de DEUS. Para ela, a vida tem agora uma outra dimensão. Alcançou o DEFINITIVO...
Quem fica perguntando e sofrendo somos nós. Mas como a vida é um riacho que logicamente deságua, a nossa vez também soará e, quando isso acontecer, então não haverá mais lágrimas. As que aqui foram choradas terão sua explicação.
Por enquanto, fica apenas o mistério. Quem ama de verdade não crê que se acabou. A vida é uma só: começa aqui no tempo e continua depois, na ausência.
Alguém a quem amamos se tornou ETERNA. E essa pessoa já sabe quem e como DEUS é. E já sabe também o porquê de sua partida. Por isso, convém falar com ela e mandar recados a DEUS por meio dela. Se ela está no céu, então alguém, além de DEUS, se importa conosco.
Definitivamente, não estamos sozinhos por mais que doa a solidão de havê-la perdido. Mas é apenas por pouco tempo. Quem amou aqui, sem dúvida, se reencontra no INFINITO.

LETÍCIA SOUZA

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Eternamente!

Sou grata a Deus pela bebezinha tão maravilhosa que pude ter, não posso mais ter em meus braços, mas posso ter eternamente em meu coração.