quinta-feira, 30 de abril de 2015

A morte

Porque a morte propicia tanto sofrimento e catadupas de pranto, acarretando desespero no mundo, é válido lembremos que: a semente morre para que surja a plântula tenra; transforma-se a ostra, de modo a produzir a pérola preciosa; estiola-se a flor, emurchecida, a fim de que provenha o fruto que guarda, na essência, o sabor; morre o dia nas tintas do poente, de modo que o véu cintilante da noite envolva a Terra; morre a noite, entre as lágrimas do orvalho, para que o manto aurifulgente do dia consiga embelezar a amplidão; o rio morre na exuberância do mar; fana-se o homem para que se liberte o espírito, antes cativo.
* * *
À frente disso, vemos que a morte é sempre a chave que desata o perfume da vida. Não há morte, essencialmente. Tudo é transformação, tudo é recriação…
A lágrima de agora se tornará sorriso.
A dor atual prepara a ventura porvindoura.
A saudade que punge hoje, fomenta o sublime reencontro de logo mais.
Morte é vida, agora o sabemos…
* * *
Habitue-se, caro coração, a refletir a respeito da morte, com serenidade e confiança em Deus, porque você não ignora que, por mais se aturda, desarvore ou se inconforme, essa é a única regra para a qual não se conhece exceção.
Prepare-se, amando e trabalhando no bem grandioso, até que você, um dia, igualmente se transforme em ave libertada da prisão – escola corporal.
A morte tão somente revela a vida mais amplamente. Pense nisso.
Rosângela
Mensagem psicografada pelo médium J. Raul Teixeira

quarta-feira, 29 de abril de 2015

O tempo


É: "O tempo não pára, só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo."Quase quatro anos...Te amo!

terça-feira, 28 de abril de 2015

Ela vive!




Está morta para o mundo, para os documentos, para os outros para mim Vive em meu coração e em meus pensamentos...E SEMPRE VIVERÁ!!!!! TE AMO!

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Saudade



Saudade é quando os 

olhos procuram no vazio 

algo que se sabe que 

não vai mais encontrar.

Você minha anjinha!

domingo, 26 de abril de 2015

Espiritismo: Um conforto!

CRIANÇAS NO ALÉM

POR JOSÉ MARCELO COELHO

.


SEMPRE NOS DESPERTOU GRANDE CURIOSIDADE A SORTE DAS CRIANÇAS APÓS A “MORTE”, BEM COMO A POSSIBILIDADE DE INTERCÂMBIO COM AQUELES QUE TENHAM SE DESPOJADO PREMATURAMENTE DE SUAS ROUPAGENS CARNAIS.

INICIANDO NOSSA EXPLANAÇÃO A RES­PEITO DO TEMA, CITEMOS A QUESTÃO 381, DE O LIVRO DOS ESPÍRITOS, EM QUE KARDEC ASSIM INDAGAVA:

POR MORTE DA CRIANÇA, READQUIRE O ESPÍRITO, IMEDIATAMENTE, O SEU PRECEDENTE VIGOR? 
AO QUE RESPONDERAM OS ESPÍRITOS:

 

“ASSIM TEM QUE SER, POIS QUE SE VÊ DESEMBARAÇADO DE SEU INVÓLUCRO CORPORAL. ENTRETANTO, NÃO READQUIRE A ANTERIOR LUCIDEZ, SENÃO QUANDO SE TENHA COMPLETAMENTE SEPARADO DAQUELE ENVOLTÓRIO, ISTO É, QUANDO MAIS NENHUM LAÇO EXISTA ENTRE ELE E O CORPO.”


OCORRE QUE ESSE DESLIGAMENTO SERÁ TANTO MAIS RÁPIDO QUANTO MAIS ELEVADO FOR O GRAU EVOLUTIVO DO ESPÍRITO EM QUESTÃO. VEJAMOS ALGUNS EXEMPLOS:

NA QUARTA OBRA BASILAR DA CODIFICAÇÃO O CÉU E O INFERNO, PUBLICADA PELA PRIMEIRA VEZ EM 1865, TEMOS, PRECISAMENTE NA SEGUNDA PARTE, CAPÍTULO VIII,  A OPORTUNIDADE DE ANALISAR UMA COMUNICAÇÃO DE ALTO TEOR FILOSÓFICO, QUE REVELA A RÁPIDA EMANCIPAÇÃO DO ESPÍRITO MARCEL, DESENCARNADO ALGUNS MESES ANTES, APROXIMADAMENTE AOS OITO ANOS DE IDADE, APÓS ATROZES SOFRIMENTOS QUE ELE HAVIA SUPERADO DE MANEIRA EXEMPLAR.
ANOS MAIS TARDE, JÁ NO BRASIL, UM TRISTE EPISÓDIO MARCARIA SENSIVELMENTE A VIDA DO CASAL FRANCISCO E TEREZINHA CRUAÑES.
FOI EM TARDE ENSOLARADA, NUMA FAZENDA DO INTERIOR DE SÃO PAULO, QUANDO A PEQUENA FERNANDA CRUAÑES, DE APENAS QUATRO ANOS DE IDADE, CAÍA DO TRATOR EM QUE SE ENCONTRAVA, VINDO A DESENCARNAR EM 08 DE AGOSTO DE 1981. MENOS DE DOZE MESES APÓS O OCORRIDO, EXATAMENTE EM 30 DE JULHO DE 1982, FERNANDA SE MANIFESTAVA ATRA­VÉS DA MEDIUNI­DADE SEGURA DE FRANCISCO CÂN­DIDO XAVIER, EM COMUNICAÇÃO REPRODUZIDA NA OBRA ESTAMOS NO ALÉM, SOLICI­TANDO AOS SEUS PAIS QUE NÃO SE ENTREGASSEM TANTO AO DESESPERO, COMO FREQÜENTEMENTE VINHAM FAZENDO, POSTO QUE TODAS AQUELAS SENSAÇÕES DE SOFRIMENTO LHE ERAM INTEGRAL­MENTE TRANSMITIDAS. DECLARAVA, AINDA, QUE SUA AVÓ JENNY, TAMBÉM DESENCARNADA, CONDUZIA-LHE AS MÃOS DURANTE A COMUNICAÇÃO, POIS QUE ELA SE RESSENTIA DA DIFICULDADE DE “NÃO SABER ESCREVER”, REVELANDO UM CONDICIONAMENTO PSÍQUICO COMU­MENTE OBSERVADO NA MAIORIA DOS ESPÍRITOS PRECOCEMENTE DESENCAR­NADOS, SEM PREJUÍZO, PORÉM,  DA CONSISTÊNCIA DE SUA MENSAGEM, QUE ACUSAVA UMA SITUAÇÃO EVOLUTIVA SATISFATÓRIA.
TAMBÉM PODE SE DAR, AINDA QUE RA­RAMENTE, ENCONTRARMOS  “CRIANÇAS” EM FUNÇÕES ESPIRITUAIS DE GRANDE RELEVÂNCIA, CONFORME RELATADO POR RAFAEL RANIERI EM SUA OBRA MATERIALIZAÇÕES LUMI­NOSAS, EM QUE ELE DISCORRE SOBRE DI­VERSAS REUNIÕES DE MATERIALIZAÇÃO DE ESPÍRITOS EM QUE TOMOU PARTE, INCLUSIVE COM A PRE­SENÇA DE CHICO XAVIER.
NAQUELAS MEMORÁVEIS SESSÕES, O ESPÍRITO ARACI, GUIA ESPIRITUAL DO CONCEITUADO MÉDIUM FRANCISCO PEIXOTO LINS (PEIXOTINHO), TANGIBILIZAVA-SE SOB A APARÊNCIA DE UMA CRIANÇA DE APROXIMADAMENTE TRÊS ANOS DE IDADE. ASSIM TAMBÉM, PARA SUA SURPRESA E SATISFAÇÃO, DESCOBRE QUE A DIRIGENTE ESPIRITUAL DAQUELES TRABALHOS DE ALTA IMPORTÂNCIA ERA EXATAMENTE SUA FILHA HELENINHA, DESENCARNADA QUANDO CONTAVA APENAS UM ANO E OITO MESES. POR VEZES, ELA SE APRESENTAVA NA FORMA INFANTIL; NOUTRAS OCASIÕES, MOSTRAVA-SE SOB APARÊNCIA ADOTADA EM ENCARNAÇÃO PREGRESSA, DEMONSTRANDO GRANDE DOMÍNIO SOBRE SEU PERISPIRITO.
INFORMAÇÕES IGUALMENTE PRECIOSAS NOS DEU ANDRÉ LUIZ, EM SUA OBRA INTI­TULADA ENTRE A TERRA E O CÉU, PSICO­GRAFADA POR FRANCISCO CÂNDIDO XAVIER.
CONTA-NOS ELE QUE, EM DETERMINADO MOMENTO NO PLANO ESPIRITUAL, PASSA A OUVIR UMA SUAVE ME­LODIA; AO SE APROXIMAR, PERCEBE QUE A MÚSICA ERA ENTOADA POR UM CORO DE CRIANÇAS FELIZES E SORRIDENTES, EM MEIO A PAISAGENS DE RARA BELEZA. ELE SE EN­CONTRAVA NO LAR DA BÊNÇÃO — UM MISTO DE ESCOLA DE PREPARAÇÃO PARA A MATERNIDADE E ABRIGO PARA ESPÍRITOS QUE HAVIAM DESENCARNADO NA INFÂNCIA. AL­GUNS DELES, NAQUELE EXATO MOMENTO, RECEBIAM A VISITA DE SUAS MÃES, AINDA ENCARNADAS, QUE PARA LÁ SE DESLOCAVAM POR OCASIÃO DO SONO FÍSICO. ANDRÉ LUIZ, ENTÃO, FASCINADO COM O QUE VIA, QUESTIONA SE HAVERIA ALI CURSOS PRIMÁRIOS DE ALFABETIZAÇÃO; AO QUE A DIRI­GENTE DAQUELE EDUCANDÁRIO RESPONDE AFIRMATIVAMENTE, POIS QUE SE TRATAVA DE UM VERDADEIRO ESTABELECIMENTO DE ENSINO NO ALÉM, QUE ABRIGAVA, À ÉPOCA, CERCA DE DOIS MIL ESPÍRITOS DESENCARNADOS EM TENRA IDADE, QUE LÁ PER­MANECIAM ATÉ REUNIR CONDIÇÕES PARA RETORNAR AO PLANO FISICO, O QUE SE DAVA, NA MAIORIA DAS VEZES, ANTES QUE O ES­PÍRITO RETOMASSE SUA COMPLEIÇÃO ADULTA.
SURGE, ENTÃO, A INSTIGANTE QUESTÃO DO “CRESCIMENTO DAS CRIANÇAS NO PLANO ESPIRITUAL”, QUE ESTARÁ INTIMAMENTE ATRELADA À RETOMADA DE CONSCIÊNCIA POR PARTE DO ESPÍRITO DESENCARNADO, O QUE LHE PERMITIRÁ PLASMAR AS MODIFICAÇÕES NECESSÁRIAS EM SEU CORPO FLUÍDICO.
EXEMPLO DISSO ENCONTRAMOS NOVAMENTE NA OBRAESTAMOS NO ALÉM, ATRAVÉS DO RELATO MEDIÚNICO DE SANDRA REGINA CAMARGO. DESENCARNADA AOS NOVE ANOS DE IDADE, APÓS TER PADECIDO DURANTE TRÊS ANOS EM VIRTUDE DE PERTINAZ LEUCEMIA. MENOS DE QUATRO ANOS APÓS SEU DESENCARNE, NA NOITE DE 17 DE JA­NEIRO DE 1981, ELA SE COMUNICARIA COM SEUS ENTES QUERIDOS, ATRAVÉS DE CHICO XAVIER, DECLARANDO: “ SAIBAM TAMBÉM QUE CRESCI. ISSO ACONTECEU NA MEDIDA DE MEU DESEJO DE ME FAZER PESSOA GRANDE…”.
ASSIM TAMBÉM SE DEU COM UPTON, DESENCARNADO COM APENAS TRÊS MESES DE VIDA. EM CARTA PSICOGRAFADA POR CHICO XAVIER, E PUBLICADA NA OBRA REENCONTROS,  DEMONSTRAVA TER RECOBRADO SUA MATURIDADE ESPIRITUAL EM POUCOS ANOS DE REGRESSO À VIDA MAIOR.
HÁ, PORTANTO, ESPÍRITOS QUE, TENDO DESENCARNADO NA INFÂNCIA, EM RETORNO AO PLANO ESPIRITUAL REASSUMEM EM CURTISSIMO PRAZO A FORMA ADULTA QUE TINHAM ANTES DE REENCARNAR, OU, AINDA, OUTRA APRESENTAÇÃO PERISPIRITUAL QUE LHES CONVENHA, SEMPRE DE ACORDO COM SUAS POTENCIALIDADES ANÍMICAS.
ENTRETANTO, O ESPÍRITO ANDRÉ LUIZ, AINDA NA OBRAENTRE A TERRA E O CÉU, NOS AFIRMA QUE ESSAS SÃO EXCEÇÕES, POIS QUE A MAIORIA DOS SERES QUE ESTAGIAM NO PLANETA TERRA NECESSITAM DE LONGO ESPAÇO DE TEMPO E TOTAL AMPARO DA ESPIRITUALIDADE PARA SE DESVENCILHARERN DOS IMPOSITIVOS DA FORMA INFANTIL, A QUE SE ENCONTRAM MENTALMENTE FIXADOS. ADEMAIS, SÃO EM GRANDE NÚMERO AQUELES QUE, AO DESENCARNAREM PRECOCEMENTE, ADENTRAM O PLANO ESPI­RITUAL EM EXTREMO DESEQUILÍBRIO, RAZÃO PELA QUAL SÃO RECOLHIDOS EM ALAS ISOLADAS, COM O FITO DE RECEBEREM CUIDADOS ESPECIAIS.
CERTAMENTE QUE A TEMÁTICA NÃO SE ESGOTA NESTE BREVE ESTUDO, TODAVIA, DESDE JÁ PODEMOS CONCLUIR, MAIS UMA VEZ, QUE O ESPIRITISMO É, IRREFUTAVELMENTE, O CONSOLADOR PROMETIDO POR JESUS, POR NOS BRINDAR COM A REALIDADE DA SOBREVIVÊNCIA DA ALMA, NOTADAMENTE EM RELAÇÃO ÀQUELES QUE RETORNARAM ÀS ESFERAS ESPIRITUAIS QUANDO AINDA ENSAIA­VAM SEUS PRIMEIROS PASSOS NO MUNDO.  
                                                   
  
BIBIOGRAFIA:
KARDEC, ALLAN: O LIVRO DOS ESPÍRITOS, EDITORA FEB, 76 ª EDIÇÃO. 
KARDEC, ALLAN: O CÉU E O INFERNO, SEGUNDA PARTE, CAP. VIII, EDITORA FEB, 76ª EDIÇÃO. 
RANIERI, RAFAEL R.: MATERIALIZAÇÕES LUMINOSAS, CAP. IX, XIII E XXVI, EDIÇÕES FEESP, 1989. 
XAVIER, FRANCISCO CÂNDIDO (ESPÍRITOS DI­VERSAS); ESTAMOS DO ALÉM-INSTITUTO DE DIFUSÃO 
ESPÍRITA, CAP. 2 E 10, 1986. 
XAVIER, FRANCISCO CÂNDIDO (ESPÍRITOS DIVERSOS): REENCONTROS-INSTITUTO DE DI­FUSÃO ESPÍRITA, CAP. 10,1987. 
XAVIER, FRANCISCO CÂNDIDO (ANDRÉ LUIZ): EVOLUÇÃO EM DOIS MUNDOS, SEGUNDA PARTE, CAP. IV, FEB, 1991. 
XAVIER, FRANCISCO CÂNDIDO (ANDRÉ LUIZ): ENTRE A TERRA E O CÉU, CAP. X E XI, FEB, 1991.


sábado, 25 de abril de 2015

Dia do AMOR!!!!!

Letícia
Jamais sonhei com tanto encantamento, tanto envolvimento e doação...
Unidas pelo cordão da afetividade, visceralmente enlaçadas na felicidade,
Ligadas pelo eterno amor de mãe e filha, Incondicionalmente a nos envolver,
Agora eu e você, assim num AMOR SEM FIM! Sonhei com a tua doce chegada, minha doce amada.
Ontem em meu ventre tu se fazias presente, Ontem tua Bela imagem virou realidade em meus braços a te ninar,
Raro esse prazer de ter você a me emocionar Agora minha querida, serás a minha Saudade eterna.
Te levarei comigo a onde quer que eu vá. Filha amor da minha vida,
Puro amor de minha alma
Estrela linda e brilhante
De rostinho fascinante Razão desse meu viver
Orgulho, carinho... Bem querer.
Eu te amarei para sempre.
Você minha bebezinha querida...


Saudade... Amor... Pulsar do meu coração
Te amo,te amo, te amo, te amo, meu amor!!!!!!

sexta-feira, 24 de abril de 2015

como seria?

Eu só queria que você estivesse aqui, crescendo como qualquer outra criança. Por que você?
Eu fico imaginando a todo o momento como seria se você estivesse aqui, se estaria saudável ou doentinha, como seria seu rostinho agora...
Eu não consigo entender o por que. Sinto falta de cuidar de você... Hoje eu passo rápido por loja de bebês, e ainda não consigo ver nem segurar um bebê. Mas apesar de tudo eu Agradeço a Deus por ter me dado você, por ter mudado minha vida, por ter me feito amadurecer, por ter me dado a MAIOR felicidade do mundo:-Ser Tua Mãe

quinta-feira, 23 de abril de 2015

oh saudade...

Este último feriadão não foi fácil, ou melhor, veio a tona todo aquele sentimento de saudade doída, impotência, tristeza... As vezes penso que não vou suportar tanta dor, tanta saudade...Todo dia abro teu roupeiro fico parada apenas observando aquelas roupinhas...Muitas nem usadas...já pensei, já fiz planos de doar, mas não deu... É um sentimento tão estranho, é como se eu pensasse que você ainda está aqui... E não quero te mandar embora... (bobagem, besteira, sabe lá...). Eu até tento ser forte, trabalhar, sorrir o dia inteiro, mas têm aquele momento em que não tenho o que fazer, (feriado, a casa limpa, sem internet, programação horrível na TV, tempo chuvoso...) me sinto sozinha, falta meu pedaço, meu melhor pedaço... Então seco as lágrimas e encaro minha vida...

quarta-feira, 22 de abril de 2015

Saudade deixou

Letícia presente que Deus me deu 
e logo veio buscar, a lembrança ficou 
Saudade deixou 
E o amor só aumentou!

terça-feira, 21 de abril de 2015

Jamais te esquecerei

Letícia você partiu como uma borboleta que sai a procura de um lindo jardim. Deixou suas cores, formas, perfume e gestos... Mesmo a vida seguindo o seu trajeto, para o meu amor não há intervalos, você esta em mim eu estou em você. Jamais te esquecerei não te vejo, não te toco não escuto tua voz, mas sei que você vive. Vive como o amor que não tem fim, não tem forma, não tem cheiro, mas tenho a certeza da sua existência. Letícia você é única e seu espaço jamais poderá ser preenchido por outro filho! Segue em frente e nesta nova vida seja feliz. Te amo ontem, hoje e sempre, longe de você todos os minutos que passo se resume em uma palavra "saudade” te amarei eternamente beijos de sua maezinha

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Aceitar, ou aceitar!

Feriadão, mais um dia que a saudade tenta te trazer para perto de mim.
As cenas da nossa vida emergem das minhas lembranças e me fazem reviver nossos momentos especiais.

Em cada passo me aproximo de você. Não sei quantos serão; não sei como serão, mas caminho para isso e por isso. Tudo tem seu tempo. O tempo certo de todas as coisas, de todas as cores, de todas as lágrimas, e todos os amores.Sentir você é o que quero; lembrar você eu necessito; amar você sem palavras...A vida, às vezes me sufoca. Porque a vida me traz a sua ausência constante, e o sal da lágrima que marca meu rosto. Não me foi dada opção, só a obrigatoriedade do aceite. Aceitar, ou aceitar! Viver ou se deixar ficar... Por enquanto, eu vivo.

domingo, 19 de abril de 2015

Oração

PRECE PARA UM ANJO


Senhor acolhei uma prece que te faço
Espirito de Todos os Anjos
A quem chamastes para junto de vós
Para te auxiliar na tarefa
Recolher de almas para teu reino.
Permita-me ó Pai amado,
que os anjos de luz e todos
Os seus servos espirituais,
Levem a ela as minhas preces
E as minhas vibrações de luz.
Anjo ...
Tu que foste tão amado e caro neste mundo,
escuta a minha voz, que se eleva a ti,
para testemunhar o meu afeto
e toda minha Afeição.

Deus te chamou primeiro,
Porque foste merecedor de ser acolhido.
Para ser um servo de luz,
Um mensageiro de paz e esperança.
e junto de DEUS onde se encontra agora,
Serás que Centelhas de luz
recairão do infinito sobre nós, que aqui ficamos
Sei que agora intercederá junto ao pai, nos a consolar ...
Fazei-nos aceitar e compreender que está feliz,
Para que tenhamos serenidade e certeza de que,
Seremos um dia Chamados, e estaremos
Reunidos a ti, num mundo mais feliz,
Amém Que seja assim 

sábado, 18 de abril de 2015

Que saudades de você

Letícia que saudades de você minha anjinha cada vez é mais difícil ficar sem você aqui, como dói sentir vontade de te beijar te abraçar e não poder , fecho meu olhos todas as noite e falo comigo mesmo, te dou um boa noite e digo o quando te amo e sinto sua falta.
Beijos minha princesinha ate a eternidade, espero logo podermos estar juntas novamente e viver nossa historia que foi interrompida aqui. 

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Feliz mesversário!

LETÍCIA AMO TE MAIS QUE TUDO NA MINHA VIDA! 
Minha pequena, hoje você estaria completando 3 anos e 10 meses... e eu vivo aqui na saudade por tudo o que vivemos juntas, por tudo de bom que você me fez, me trouxe...pelo amor e carinho que sinto por ti...pelos momentos que foram inesquecíveis em minha vida com a sua presença em mim e com certeza na sua também, Letícia, minha anjinha eu sei que jamais saiu de pertinho da mamãe... minha anjinha, minha menininha, você para mim é e sempre será a estrela que me faz crer... porque tem que ser assim? viver longe de ti? Não sei mas... acredito que a vida quis assim, Deus escreveu nossa historia linda de amor, um amor eterno e divino, amor do céu, ele nos deu uma a outra pra amar intensamente, eu amarei você minha pequena para sempre....obrigada Letícia, por tudo...você não pode imaginar o quanto significa pra mim, amo você minha anjinha linda, meu presente de Deus...vou estar sempre aqui, te amando pra toda vida querendo imaginar como estás, se é feliz, porque tudo o que farei aqui nessa vida, minha princesa é para que eu tenho a certeza de que você é feliz, está bem, farei o impossível, enfrentarei toda a minha dor e saudades, para que você cresça linda, feliz e em paz, Letícia, não tem como você sair da minha vida...porque você esta em meu coração, você é a minha vida...pra sempre...te amo minha eterna bebezinha! Feliz mesversário!

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Pequenina do meu amor

Pequenina do meu amor
vem correndo pros meus braços,
Eu guardo pra você
os mais caros lindos sonhos.
Vai sorrindo ao mundo em redor
Tudo é novo e belo em seus olhos.
Ah! Desconhece o mal,
neste mundo de gente grande...
Pequenina do meu amor
Ser criança é como ser uma gaivota livre
Tudo é feito pra brincar, como é bom viver
Descobrindo seu encanto...
Pequenina do coração
Sabe até contar 1, 2, 3... e mostra os dedinhos.
E me encanta o seu olhar,
Seu olhar de amor...,
Seu sorriso pequenina...!
Seu olhar, confiança e amor,
seu sorriso... pequenina.
Pequenina do meu amor,
a boneca entre os braços,
Seu vestidinho branco e lacinhos nos cabelos.
As estrelas brilham no céu,
Mas não brilham mais que seu olhos.
Ah! Você vai crescer...
Ai que pena... ai que pena...
Pequenina do meu amor
Ser criança é como ser uma gaivota livre
Tudo é feito pra brincar, como é bom viver
Descobrindo seu encanto...
Pequenina do coração
Sabe até contar 1, 2, 3... e mostra os dedinhos.
E me encanta o seu olhar,
Seu olhar de amor...,
Seu sorriso pequenina...!
Seu olhar, confiança e amor,
seu sorriso... pequenina.
Seu olhar, confiança e amor,
seu sorriso... pequenina
( Pequenina Perla))0))0))empo, não 

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Me ajuda meu Deus

Deus que saudade que sinto da minha pequena bebezinha, que dor no coração... Ensina-me senhor a aceitar seus planos, me ajuda meu Deus, conforta meu coração que dói tanto...

terça-feira, 14 de abril de 2015

Como foi bom ter você em mim!

Que dia maravilhoso eu vivi há quatro anos! Porque eu não esqueço? Será que se você estivesse aqui eu lembraria que há quatro anos eu descobria teu sexo, eu faria as primeiras compras de roupinhas pra você? Talvez não lembrasse, porque penso que o que mais marca este dia é o fato de que neste dia eu comecei a acreditar que nada mais podia dar errado contigo, sim eu estava muito nervosa, que você podia ter alguma má formação, alguma doença e nada! Você estava perfeita! Era apenas aguardar mais três meses e você estaria nos meus braços! E por muito tempo compraria roupinhas cor de rosa! Mas quando você estava com dois dias de vida e apareceu aquele problema no intestino eu fiquei desnorteada! Como pode! No ultrassom estava tudo certo! Como foi bom ter você em mim! Agora você continua em mim, mas no coração! Te amo!

segunda-feira, 13 de abril de 2015

Anjo da minha vida!

Deus nos deu a oportunidade única de fazer parte da vida de um anjo, Letícia você veio para nos ensinar a amar, e hoje somos pessoas diferentes, transformadas por seu amor, por sua bravura, por sua ternura…

domingo, 12 de abril de 2015

Saudade angustiante!

Estou precisando muuuito sentir o contato com minha filha... Na verdade faz tempo que fotos, já perderam o sentido... A casinha no cemitério que no início visitava diariamente passou a ser quinzenalmente, pois não resolve muito... Essa saudade angustiante... Fica aqui... Pronta para explodir na primeira oportunidade que encontra... Este ano não tirei férias estou precisando de uma vida sem pausa... Sem férias, sem feriado, sem fim de semana... Sem noite... Sem tempo para pensar... Por isso não paro... Se acordo cedo já acho algo para fazer, se no trabalho tenho uma folguinha, procuro me distrair com um livro, internet... Se não durmo a noite ligo a televisão até dormir... E assim passo meus dias... Quando isso vai acabar?????



sábado, 11 de abril de 2015

O coração e a saudade

Não é difícil falar de saudade: doloroso é vivê-la. Difícil é amá-la quando dilacera o coração e o deixa em pedaços.
Acho que encontrei uma explicação pela qual ela parece tão insuportável quando ficamos muito tempo longe das pessoas que amamos:
Como o coração é apenas do tamanho de uma mão fechada e a saudade algo que cresce a cada dia, cada minuto que passa ela vai ocupando mais espaço e o coração se sentindo cada vez mais apertado. Sem o outro ele se sente sem ar.
Por isso, essa sensação de se sentir sufocado e a impressão que o coração vai explodir dentro do peito. Por isso os olhos ardem e as palavras desmancham-se dentro de nós.
Mas a saudade é deliciosa!!!
É ela quem nos mostra aqueles que contam realmente na nossa alma, os que escreveram para sempre seus nomes nas paredes do nosso coração e, aconteça o que acontecer, permanecerão lá, intactos.
É dela que não queremos nos desprender, a qual nos agarramos como uma tábua de salvação que nos conduzirá à outra margem... onde encontraremos aqueles que vencem as distâncias e os infinitos e continuam do nosso lado ignorando as barreiras do impossível e do invisível.
Sabemos que amamos quando a saudade bate à nossa porta e não encontramos forças para não deixá-la entrar. Nos entregamos.
A saudade é a doce arte de saber misturar o amor, a dor e a esperança. É a herança dos que abriram o coração para amar...
 © Letícia Thompson

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Dia triste...


Hoje esta completando 3 anos e 8 meses, que minha anjinha voltou para o Céu...
Sabe Letícia... Hoje, papai foi viajar de madrugada, lembrei que eu podia estar com você e não ficar aqui sozinha, lembrei-me das madrugadas que eu passava com você acordada...
 É o tempo passou e por mais que as pessoas critiquem... Sinto falta da minha FILHA... MUITA FALTA!!!! E não vai ser 3, 5 ou 10 anos que vai mudar isso... Ela é parte de mim...  SOU MÃE, mãe de uma  anjinha, que DEUS colocou na minha vida... E o tempo pode amenizar a dor da perda... Mas não a da saudade... Se hoje choro, não é porque questiono Deus, sei que Ele ajudou a Letícia... Quando eu rezava pedindo para que a livrasse daquela doença, daquele choro, que  proporcionasse muita alegria a minha bebezinha... Deus do jeito Dele me ouviu... Não foi fácil aceitar... Ainda não é... Mas prefiro acreditar que Deus a livrou de uma vida de sofrimento, de doença.
Passe o tempo que passar o dia 10 será sempre lembrado como o pior dia do mês, o dia que perdi minha vida, meu futuro, meu tudo! 

quinta-feira, 9 de abril de 2015

Saudade, é só saudade!

A saudade cada dia vem aumentando minha anjinha, as pessoas dizem que com o tempo as coisas se colocam nos seus devidos lugares. Bom, eu acho que não é exatamente assim. Tudo que acontece na sua vida tem um propósito e um porque. Ninguém aqui na terra te perdeu, pelo contrário, te ganhamos pra Cristo, você está nos braços do Pai, e esse é o único motivo que nos deixa confortados. As vezes Letícia, eu fico tão desesperada, que meu coração se destrói. Queria te ver novamente, saber como você está, eu sei que está bem. Está no melhor lugar do mundo. Meu amor por você é verdadeiro. Só que Letícia, como que fica essa saudade ? Essa tua falta aqui? Parece que quando você partiu, algo em mim foi cortado. Que saudades de tudo o que vivemos e o que não vivemos! A saudade é tão grande que eu não consigo se quer me controlar. Saudade, saudade, é só saudade princesa da minha vida! Beijo amor da mamãe, te amo tanto!

quarta-feira, 8 de abril de 2015

ferida que não cura

Letícia
Minha tristeza tem seu nome , é uma dor somente minha , é uma dor que não termina , é uma ferida que não cura ... levarei para sempre em mim a dor dessa despedida !

terça-feira, 7 de abril de 2015

Gosto mesmo de você

Letícia
"Pensando bem, eu gosto mesmo de você. Pensando bem quero dizer, que amo ter te conhecido. Nada melhor que eu deixar você saber, pois é tão triste esconder um sentimento tão bonito(... )Sei que nem chegou a imaginar, que eu pudesse te amar tanto assim…" (victor e Leo)

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Amo você

Letícia eu Amo você, Incondicionalmente, Indescritivelmente, Intensamente, Incessavelmente, Infinitamente, Puramente, Verdadeiramente, Abençoadamente por Deus, a cada segundo mais… 
Eu Amo Você Eternamente, Eu Amo Você Letícia!!!!

domingo, 5 de abril de 2015

FELIZ PÁSCOA NO CÉU MINHA ANJINHA AMADA!


Páscoa! Jesus Ressuscitou! Um dia minha anjinha também ressuscitará!Hoje devíamos chamar de Dia da Esperança ao invés de páscoa! Sim da esperança de que nós e os nossos iremos ressuscitar também! Mas por enquanto datas festivas são tão tristes sem ela...Mas não sou a única...
Enquanto o resto do mundo
celebra, tantos e tantos
corações choram.
Choram pelo filho que se foi.
Pela saudade que ficou.
Pela ausência tão doída.
Pela certeza da impotência.
Pela alegria que faltou
Te amo sempre Letícia!
Feliz Páscoa. 

sábado, 4 de abril de 2015

Mais um dia triste..

Hoje sábado de aleluia, mais um dia triste...Mais um dia em que imagino Maria, mãe de Jesus angustiada, aflita, dolorida pela morte de seu amado filho, como eu passei muitos dias de aflição e de dor pela partida da minha pequena e única filha.



PIETÁ


Sentada sobre o chão frio,

Uma mulher chora.

Em seus braços está um corpo sem vida.

Seu filho já não respira,

O coração já não bate,

Já não tem sonhos,

Não tem medos,

Não tem mais nada.

Ontem de manhã,

Sentada sobre o chão frio

De uma rua de outra cidade,

Outra mulher contempla o passado que se perdeu

E o futuro que lhe foi negado.

Seu filho está morto também em seus braços.

Em seu olhar firma-se um abismo

De revolta, incompreensão,

Impotência.

Que consolo, que esperança?

Que palavra pode-lhe ser dita?

O sofrimento destas mulheres está além das palavras,

Onde nada mais tem ou pode dar sentido a sua dor.

Diante do seu olhar apenas nos calamos.

Silenciamos pelo que não compreendemos,

Pelo que somos incapazes de suportar.

Esse silêncio rompe o tempo,

Transcende o espaço.

Na figura de duas mulheres,

Com filhos mortos em seus braços,

Mora o mistério da própria humanidade.


Escrito por Augusto Cezar - DOM

sexta-feira, 3 de abril de 2015

Fico pensando em Maria, mãe de Jesus...

Hoje, sexta feira santa... Relembramos o sofrimento de Jesus sua morte na cruz. Fico pensando em Maria, mãe de Jesus... A morte da minha anjinha me provocou uma crise de fé profunda. Primeiro, me senti anestesiada, não podia acreditar naquilo, parecia um pesadelo sem fim, como enlouquecida pensava que a Letícia iria voltar... Depois, veio a grande sensação de perda, sem volta. E a pergunta que não calava: Por que Deus permitiu isso? Por que me tirou o dom mais precioso? Por que comigo? Por que com ela?  Briguei com Deus... Toda minha longa vida de cristã, com muitas certezas, parecia ter se dissolvido rapidamente, para mim Deus não era mais um Deus bom... Então, minha tia me pediu para rezar a ave Maria na rádio, então fui à procura de textos sobre Maria e a cada texto me provoca uma luta entre minha dor e a dor que Maria, a mãe de Jesus sentiu e uma aproximação. Penso se ela também não fez as mesmas perguntas que eu, porque Ela foi escolhida por Deus para ter Jesus e Ele o deixa morrer daquela forma... Imagino as suas dores na hora da cruz. Observando todo o sofrimento do seu filho único e não podendo fazer nada, como eu naquela UTI. E penso que Maria como eu também perdeu o seu filho amado, e também deve ter quase perdido a esperança de viver. Ela me entende. Maria, não cedeu diante da dor e do sofrimento. Enfrentou-os com a cabeça erguida...
As coisas ainda não estão resolvidas, mas estou aos poucos fazendo as pazes com Deus.


quinta-feira, 2 de abril de 2015

Eu acredito!

A perda de um ente querido nunca é fácil de ser aceita tranquilamente, principalmente quando se trata de um filho(...)

Entretanto é necessário compreender que Deus nada faz sem um sentido; e por este entendimento que tudo que ocorreu é por necessidade do desencarnante e dos pais que permanecem em este mundo.


Busque observar os fatos por outro ângulo; o de que você e seu esposo participaram do processo de libertação de um irmão em evolução e que, a partir de agora, com sua ajuda, ele poderá seguir adiante sem os impecilhos ou compromissos que tenha largado na carne, compreende? 



Quem sabe, em um futuro, o mesmo irmão poderá voltar a tua família como um novo bebê? Por isto, minha irmã, devemos buscar resignação e compreensão para os designios divinos e esperança para a nossa vida futura, que pode nos trazer mais imensas alegrias e consolações.

(...)

"os bebês quando morrem continuam crescendo e se transformam em crianças e depois em adultos como aqui na terra? "
A espiritualidade orienta que quando o processo de gestação é interrompido por algum motivo ou existe o desencarne da criança em pouca idade, o espírito é recolhido a "creches" ou hospitais que darão início ao processo de regresso do espírito ao estado anterior ao do reencarne - ao tamanho e personalidade que tinha antes de iniciar o processo de reencarne.

Este processo de retorno pode ser mais ou menos demorado a depender do estado consciencial e de evangelização de cada espírito, havendo ainda os que não necessitam deste tipo de auxílio pois podem, devido a sua grande evangelização, retornar ao estado anterior por eles mesmos (mas são raros em nosso orbe).

"Quem cuida deles?"
Durante todo o processo eles são constantemente acompanhados por técnicos espirituais e responsáveis, bem como por amigos e parentes que estejam no mundo espiritual, para que tudo corra bem e que eles possam retornar ao convívio dos seus o quanto antes.

Quando ocorre um abortamento natural o processo já indica que está em acontecimento, pois raros são os casos em que o abortamento natural ocorre que não tenha sido planejado e não esteja sendo acompanhado diretamente pela espiritualidade maior.

"Eles tem uma mãe?"
Eles certamente estão cercados por parentes próximos - desta ou de outra encarnação - que estejam no mundo espiritual; então podemos afirmar que é possível que uma de suas mães anteriores acompanhe o processo e cuide do espírito durante alguma parte do mesmo - com o mesmo amor que sentia por ele quando encarnados.

Embora não possamos afirmar que esta "mãe" seja o tipo adotivo ou mãe de carne como temos aqui na terra, é certo que, ao terminar o processo de readaptação, o espírito será recolhido a algum lar espiritual onde encontrará muitos de seus familiares desencarnados e será tratado como um membro daquela família.

Vale a pena lembrar que os espíritos normalmente tendem a reencarnar em um grupo familiar mais próximo, gerando muitos vínculos entre os espíritos deste grupo, muitos retornando diversas vezes como pai, mãe, filho, irmão, tio, primo, etc... E que, na grande maioria dos casos, os espíritos estarão com a apresentação perispiritual de sua última encarnação, de modo a facilitar o reconhecimento por parte dos que estão chegando.

Leia Mais em: http://www.bomespirito.com/2012/07/perda-de-bebe-e-bebes-no-mundo.html#ixzz2xgegnHid

Te amo minha bebezinha!