domingo, 23 de abril de 2017

Nada jamais irá justificar sua morte...

O legado dos nossos filhos é tudo o que nos resta deles.
Suas vidas foram ceifadas cedo demais e como pais nós os levaremos por toda a nossa vida em nossos corações.
Nada jamais irá justificar sua morte...
Existem algumas pequenas coisas que nos ajudam a suportar nossa dor, nossa saudade:
O amor e a lembrança de nossos filhos.
Elas ajudam a preencher um pedaço do vazio que ficou em nossas vidas, em nossos corações, em nossas almas...
Então peço a quem convive comigo apenas uma coisa, que é simples para vocês, mas que para nós faz toda a diferença:
Lembre-se de nossos filhos, nos permitam lembrar e falar deles e acima de tudo, sejam compreensivos com nossa dor.

Copyright© B. J. Karrer

sábado, 22 de abril de 2017

Nada me faz esquecer você.


Letícia
A saudade comanda a dor que não me permite sorrir.
Nada me faz esquecer você. Cada minuto a dor se manifesta diferente.
Olho pra trás e vejo todos sumirem por alguns instantes...
Um silêncio infinito toma conta de mim e a escuridão domina meus olhos e meu viver.
Você levou metade de mim, levou parte da minha alma.
Não tenho idéia de como viver sem você. Você iluminava meu ser, era o motivo dos meus sorrisos, a razão do brilho no meu olhar...
Deus dai-me forças para continuar a viver sem a mais bonita e melhor parte de mim...
Ressuscitando Sonhos

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Sobre ser mãe de anjo.

É algo devastador. Não acontece com quem é forte. Acontece com todo tipo de pessoa. Sobreviver não é algo que perguntam se você é capaz. Você é obrigada a seguir. O processo de luto é totalmente individual e cada mulher vai, da sua maneira, reconstruir sua vida. Em meio a recaídas, ela volta a encontrar razões para ser feliz. A dor não acaba. Aprende-se a conviver com ela. A saudade será eterna. Mas ninguém precisa viver em estado de amargura. Isso, sim, é opcional.

quinta-feira, 20 de abril de 2017

minha Oração como mãe de anjo...



Deus hoje eu desejo um dia melhor...Hoje eu desejo que minha dor seja amenizada, hoje eu desejo que eu sinta vontade de viver...Desejo não sentir tristeza ao ver aquelas que alcançaram o privilégio de ter seus filhos nos braços...Desejo não me entristecer com os positivos de minhas amigas....Desejo não pensar o porque...Desejo não chorar com mensagens lindas ou ao ouvir aquela canção que me faz lembrar das minhas anjinhas...Desejo acender uma esperança de ser mãe novamente, pois o senhor compreende minha falta de fé neste momento...Desejo ter algo de bom para oferecer a minha família, pois o senhor sabe que aqui dentro do meu coração só tenho dor um coração quebrado...Desejo conseguir agradecer pelo meu dia no final dele, Desejo que a mina dor consiga ceder um pouco de espaço a alegria...que sei senhor que jamais voltara ser completa...Não preciso dizer nada pois a sua palavra diz que o único amor que se compara ao seu na terra é o amor de uma mãe...Hoje eu desejo voltar no tempo e amar e amar meu ser que outrora ocupava meu ventre, meu coração, minha cabeça e minha vida...Más sei que isto jamais será possível...Então senhor torne possível que a vontade de viver retorne aos meus dias que ela volte a ser minha companheira...Deus que hoje minha dor seja menor que ontem...Amém.
Suelen Soares Langner

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Nunca esquecer!!!!

Ser forte é ser capaz de passar pelos piores momentos da vida e ainda dizer: Senti, Vivi, Chorei e Venci!!....

terça-feira, 18 de abril de 2017

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Nunca esqueço o dia 17...


Ontem,mais uma páscoa sem você... 
Hoje mais um mês sem você presente fisicamente... 
Estaria completando 5 anos e 10 meses, a saudade aperta o peito...
 Mas você sabe que eu esperei você desde sempre... e continuarei esperando com a mesma certeza do reencontro... você é minha esperança, minha motivação, meu maior e melhor sonho... 
Te Amo no infinito do infinito minha filhota... nunca esqueça disso!!! 
Mamãe está sempre contigo!!!
 Amo, amo e amo vc!

sábado, 15 de abril de 2017

Hora essa que Jesus também fez passar sua Mãe, quando o retiraram da cruz e o colocaram em seus braços.

Devolver o filho tão amado e esperado.
Devolver o que não quer ser devolvido. E uma multidão de abraços e consolos nos afaga, tentando nos distrair desse momento que não tem como reverter.
E uma procissão de familiares, amigos e curiosos, acompanham sua partida.
A cabeça meio que atormentada nos impulsiona a dar o último beijo, o último afago, e vem a frase: Vá com Deus, filho amado!
O quarto do filho se esvazia de tudo.
As coisas ficam; as roupas fora do armário, o computador ainda aberto, anotações e sonhos ainda por realizarem.
O armário insiste em deixar o cheiro do ser amado, tentando nos convencer de que ele saiu e logo volta.
As gavetas nos revelam tantos pertences, tantos bilhetes e tantas lembranças...
E a foto do porta-retratos, que antes enfeitava o quarto, se transforma em altar sagrado da triste lembrança de que tudo realmente aconteceu.
Mas alguma coisa surge em nosso interior. Um vazio que nos invade. E a sensação de estarmos anestesiados começa a tomar ciência de nossa realidade.
E esse estado de torpor, tenha certeza, são lenitivos de Jesus, tentando acalmar os corações dilacerados, mas amparados.
Ele nunca desampara um filho, ainda mais nessa hora; hora essa que Jesus também fez passar sua Mãe, quando O retiraram da cruz e O colocaram em seus braços.
Ele sabe de tudo. Ele sabe o que aconteceu e o que irá acontecer.
Ah, se pudéssemos ver o trabalho de Deus nesse momento...
Se pudéssemos ver Deus tomando em Seu colo nosso filho, antes mesmo dele sentir qualquer dor na hora de sua partida.
Walter Sormanti Hassin

sexta-feira, 14 de abril de 2017

sexta-feira Santa

Hoje é sexta-feira Santa, dia de relembrar o sofrimento da morte de Jesus... Jesus sofreu por nós... Todos têm uma cruz para carregar, muitas vezes me revolto, pois tenho a impressão que a cruz não é dada a todos... Quantas pessoas nascem ,crescem, envelhecem sem problemas? Sem perdas? Por quê ???Porque eu tive que passar por tamanha dor? Porque mesmo eu tenha chorado, suplicado não fui atendida? Porque não tive uma segunda chance como a maioria tem? Por quê???????   Até hoje não entendo...

 A aceitação da minha vida é a cruz que preciso carregar. Não adianta brigar contra a verdade.

quinta-feira, 13 de abril de 2017

Mudei...


Mudei minhas orações de proteção de minha filha pelas orações de paz a sua alma...Mudei noites em claro velando seu sono, por noites chorando por não te lá mais junto a mim para sonhar...Mudei dias de infinitas alegrias por dias de somente tristezas...Mudei deliciosos passeios em sua companhia por, amargas visitas ao cemitério...Mudei lindos presentes, por velas para te iluminar...Mudei belos vestidos por lindos vasos de flores para enfeitar seu túmulo...Mudei minha vida por você e hoje não tenho mais o grande motivo que me fazia viver... saudades eterna, amor incondicional.

quarta-feira, 12 de abril de 2017

Teu Anjo

E quando a dor te derrubar
E não restar forças para lutar
Sempre ao teu lado vou estar
Sou o teu anjo
- Teu Anjo

terça-feira, 11 de abril de 2017

saudade

"A saudade é uma estrada longa
Que começa e não tem mais fim
Suas léguas dão volta ao mundo
Mas não voltam por onde vim..."

Almir Sater

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Dia 10...

5 anos e 8 meses que você criou asinhas e voou para longe de mim...Que saudades...Para mim o tempo não passou... Te amo!

domingo, 9 de abril de 2017

A saudade é tão ruim Só me faz sofrer

Ah, não dá mais pra ficar assim
Longe de Você
Vem, que a saudade é tão ruim
Só me faz sofrer

Eu quero o seu beijo e o teu sorriso
Mas você fica distante
Eu te Desejo
Eu te Preciso
Hoje até mais do que antes

Eu te amo tanto, você sabe
Que esse amor é tanto que em mim não cabe

Eu te amo tanto, você sabe
Que esse amor é tanto que em mim não cabe


Eu Te Amo Tanto


sábado, 8 de abril de 2017

Solta a dor


Nas leis que eu criei, acho injusta a morte. Nas leis de Deus, talvez ela faça sentido: é o encontro esperado, o encontro com Ele – O nosso Deus.
Eu acho que o que consola quando perdemos alguém, são as lembranças que ficam... Os abraços, os sorrisos, os beijos...
Não sei o que consola um pai e uma mãe ao perder um filho. Criar com todo o amor e atenção durante anos, e então, sem muitas explicações... Sem poder dar o último adeus. Sem poder dizer tudo aquilo que estava preso no coração (...).
Quando ele nasceu, quando nasceu o primeiro dente, quando o cabelo começou a aparecer na cabecinha lisa e careca, quando ele falou a primeira palavra, quando deu o primeiro passo, quando sofreu o primeiro tombo, o primeiro dia na escola, a primeira namorada, os primeiros erros, a vez que ele chorou porque se machucou fazendo aquilo que a mãe disse que não era para fazer... Os pais estavam lá: dando bronca, conversando, ensinando e aprendendo.
Não há um consolo. Não há palavras. Não há uma força sagrada que apague a dor da perda...
Mas há um motivo para continuar: Eu creio que Deus nos dá um lugar certo. Eu fui encarregado da missão mais linda da minha vida, ser aquele que esteve ao lado daquela pessoa maravilhosa. Eu – e ninguém mais, fui pai, fui mãe, fui amigo. E agradeço esta oportunidade. Eu continuo na fé do reencontro e sabendo que vou amá-lo para sempre.
O que consola um pai, uma mãe e um amigo é que eles foram pais e amigos – tiveram esta chance, de ser especiais para a pessoa que eles amavam e que é insubstituível...
Não há pai, mãe e amigo, que na perda, pensa que nunca na vida deveria ter conhecido aquela pessoa. Porque sabe que esta foi a maior preciosidade de sua vida.
Eu sei que é um vazio que fica e que ninguém preenche, mas devemos encontrar forças na oportunidade de ter sido quem fomos na vida desta pessoa.
Quando a dor for muita – pega os álbuns, olha as fotos, fala em voz alta pro vento a primeira lembrança que vier a cabeça... solta! Solta a dor... Ele estará te ouvindo.
Gabriella Beth InvittiS

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Estou pensando em você Agora e sempre mais


  

Eu só quero que você saiba
Que estou pensando em você
Agora e sempre mais

Eu só quero que você ouça
A canção que eu fiz pra dizer
Que eu te adoro cada vez mais
E que eu te quero sempre em paz

Tô com sintomas de saudade
Tô pensando em você
Como eu te quero tanto bem
Aonde for não quero dor
Eu tomo conta de você
Mas te quero livre também
Como o tempo vai e o vento vem

Eu só quero que você caiba no meu colo
Porque eu te adoro cada vez mais
Eu só quero que você siga
Para onde quiser
Que eu não vou ficar muito atrás

Tô com sintomas de saudade
Tô pensando em você
Como eu te quero tanto bem
Aonde for não quero dor
Eu tomo conta de você
Mas te quero livre também
Como o tempo vai e o vento vem

Eu só quero que você saiba
Que estou pensando em você
Mas te quero livre também
Como o tempo vai e o vento vem
E que eu te quero livre também
Como o tempo vai e o vento vem 

(A Sua - Marisa Monte)

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Como aceitar algo que não faz sentido?

Quando se perde alguém violentamente, de modo repentino ou inesperado, quem fica permanece nesse limbo por um tempo indeterminado. É comum pessoas em processo de luto por morte abrupta serem tomadas por um estado de catatonia, semelhante a um morto-vivo, ou a um robô, que passa a agir no "piloto-automático", sem domínio ou vontade de controlar suas ações. Uma parte continua vivendo, pois entende ser necessário, mas a outra não está lá. A alma fica dividida e constantemente, o enlutado sente que morreu também e que sua história nunca mais será a mesma. De fato, nunca mais será, pois a morte marca a alma. Entretanto, estamos na vida para sermos transformados a partir das experiências que o acaso (será?) nos propõe. A superação só se dá a partir de um longo processo e ela não significa esquecer, fingir que não aconteceu ou ainda não sentir dor quando lembrar. Superar significa apenas aceitar e continuar. Mas como aceitar algo que não faz sentido? Algo que não vem com avisos, que não parece ter um por quê dentro da lógica do merecimento?
Como aceitar a morte de alguém bom, que tinha uma vida enorme pela frente? E que o destino levou em segundos, sem nos ter orientado para aquele momento? Como continuar sem ter mais vontade de viver, sem ter um sentido que nos norteie?

(Palavras de um grande psicólogo do luto.)

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Sim!

Sim vai ser difícil, mas o tempo passa rápido. 
Vamos nos reencontrar. 
Eu sei.
Eu sinto!

terça-feira, 4 de abril de 2017

Incondicionalmente

Quando você chegou, me ensinou a amar

incondicionalmente.

Na sua partida aprendi que o amor não

precisa de presença física, ele transcede a

morte.

segunda-feira, 3 de abril de 2017

convivo com sua falta


Se eu te contasse, você acreditaria???.... Hoje eu convivo com sua falta, mas não sofro de amnesia...

domingo, 2 de abril de 2017

Por onde anda você?


O FRIO DA SAUDADE
Existem dias que sentimos frio por causa da estação do ano.
Existem dias que sentimos frio por dentro, o frio da saudade.
Pessoas que passaram por nossa vida e nos visitam pelas portas da memória.
Quando isso acontece o coração sente frio, a alma treme.
Não é aquele frio que um agasalho conforte, é a falta de alguém.
Alguém que tenha partido para terras distantes, ou para uma nova vida.
Essas mudanças climáticas emocionais não estão sujeitas as estações do ano, pelo contrário, elas se notabilizam pela intensidade do que sentimos por aqueles que partiram.
O frio da ausência de alguém, esfria a gente por dentro.
Por isso é importante que demonstremos carinho e amor com as pessoas que estão ao nosso lado.
Amemos hoje para que nosso coração não sinta o frio da saudade amanhã.
Dar as mãos, abraçar, confessar o amor...
Agasalhos da alma, cobertores do coração.
Mas se um dia essas pessoas tiverem que partir para terras distantes, ou mundos desconhecidos, que levem a certeza de que as amamos de verdade.
Quando amamos de verdade, sem possuir, as boas lembranças do amor vivido, amenizam o frio da saudade.
Vou tomar um chocolate quente para amenizar o frio do corpo...
Vou fechar a janela para acabar com o vento gelado que está entrando em meu quarto nessa manhã.
Vou pegar aquele album de fotografias para esquentar o coração.
Cultivar as melhores lembranças de quem partiu.
Quero aquecer meu coração que sente agora o frio da saudade..., saudade de você!
Por onde anda você?
Meu coração está com frio...
Quer um abraço?


Ressuscitando Sonhos


sábado, 1 de abril de 2017

Queridos papai e mamãe, envio uma cartinha curta mas com todo meu amor:



Estou no céu, vendo vocês todos os dias, horas...
Envio sinais para que saibam que nunca me afastei realmente!
Vejo vocês chorarem de saudades, e pego cada lágrima que escorre
de seus olhos tristes e guardo em meu coração.
Cuido de vocês durante o sono e em todos os momentos meus cuidados estão ao redor de vocês, acalmando seu sofrimento.
Sei do desejo mais firme em seus corações: o de poder me levar de volta para casa!
Então tento enviar sinais para que entendam que não estou sofrendo!
Eu os visito em sonhos, mantenho nosso amor eternamente em meu coração e a esperança de nosso reencontro nos seus. Por favor, não fraquejem mamãe e papai.
Sei o quanto está sendo difícil, vejo seus corações sofrendo, apertadinhos no peito...o vazio que minha ausência deixou em suas vidas e na de todas as pessoas que me amam.
Apesar de não ser fácil, sei que vocês vão esperar nosso reencontro tão ansiosos quanto eu.
Por isso mamãe e papai quero lhes pedir um favor: vivam, amem, sorriam, riam, permitam-se ser feliz! Quando vier um irmãozinho ou irmãzinha para mim, amem e cuidem.
Essa nova vida virá completar nossa família, sei que não irá me substituir, sei que lhes fará feliz, é o que nós desejamos.
Afinal, que não quer ver sua mamãe e seu papai felizes?
Seu sorriso é tão lindo mamãe, teu coração fica cheio de borboletas coloridas, irradiando calor e felicidade cada vez que sorri.
Te amo, mamãe!
E apesar de parecer forte, sei que sente minha falta papai, e sinto todo amor que tem em seu coração.
Também te amo, papai!
Sei que cada respiração sua é por mim, sei que a cada passo que vocês dão e cada vez que não se permitem cair na tristeza profunda do luto é porque me amam e não querem me ver sofrer.
Então sejam felizes, vivam intensamente cada minuto de suas vidas, até o dia em que vierem me encontrar. Então eu estarei ansioso esperando vocês na porta do céu, com um sorriso, para abri-la abraça-los e dizer:
Agora, mamãe e papai, é para sempre!

Autora Copyright © Flávia Rott
Se copiar, favor não retirar os créditos!
 — com Ully Horrana e Lucienne Peixoto.

sexta-feira, 31 de março de 2017

Encontramo-nos em sonhos


Viajo até as estrelas para te encontrar,
busco nos meus sonhos ver teu olhar,
compartilhar com você bons momentos
tendo-te presente não só nos sentimentos.
Não somente nas lembranças de um passado
que me faz feliz, mas deixa o coração apertado
por não ouvir o tom da tua voz e poder te abraçar.
Vivemos uma realidade, mesmo que vou acordar.
No dia seguinte, novamente o teu silêncio ouvirei
porque você se foi e quando voltará outra vez não sei,
mas, pelo menos, estivemos juntos por um momento.
Desta forma, matamos a saudade que mora em nós
pela separação que a vida nos proporcionou,
porém, este nosso amor a morte nos separou.
Ataide Lemos

quinta-feira, 30 de março de 2017

Quero te ver e te ter muito em breve

Perdoa-me por não controlar mais o que sinto, já não posso conter o amor que sinto no meu peito.
Inevitavelmente a dor que me acompanha perturba meus pensamentos e as coisas perdem o sentido.
Eu não sei porque somos tão apegados a matéria.
Diariamente luto com alguns pensamentos inevitáveis, pois ninguém sabe das histórias que carregamos com a gente.
Sigo na certeza de que quero te ver e te ter muito em breve. 
Não vou deixar jamais que seja esquecida.
Eu te amo infinitamente.
Copyright© Bruna Fani (adaptado)

quarta-feira, 29 de março de 2017

Ah dor infinita!

Não me consola saber que a vida é infinita
que nada morre, que tudo é eterno.
Na partida definitiva, não há como fugir
da maior dor pelo ser humano sentida.
Separam-se os corpos, ah saudade doída!
Saudade que ofusca a vida
e que só o tempo ameniza a dor.
Laços que se desfazem
numa partida sempre inesperada
que bom seria se esta despedida
pudesse ser eternamente adiada
As lembranças que ficam, de imediato, atormentam
Onde buscar as cores, gestos e olhares,
Como dialogar com o silêncio?
Como tocar o nada? Como trazer tudo de volta?
Impossível! Ah dor infinita!
Resta apenas esperar e pedir para o tempo voar,
para a dor amenizar e ficar com a esperança
de que um dia, em algum lugar, com outros rostos,
possamos a história das nossas almas continuar.
É só o que resta para consolar!
(autor: Tahyane Rangel)

terça-feira, 28 de março de 2017

TRÊS COISAS QUE APRENDI COM A PERDA:


1. Nunca vá embora sem se despedir das pessoas que ama com um abraço. Pode ser o último encontro de vocês. A vida não faz promessas, não dá uma segunda chance.
2. Compreendi que o mundo não para por causa da minha dor. A vida não passa a mão na minha cabeça. Coisas ruins acontecem na vida de qualquer um e precisamos aprender a lidar com elas.
3. Minha filha não era imortal, como imaginei ser. E ninguém mais é. A vida é frágil demais e quando menos se espera partimos.

segunda-feira, 27 de março de 2017

Triste

E num desses aniversários da sua ausência,
descobri que a minha dor tinha RG,
única, indivisível, minha...
me despedi de você pela centésima vez,
passeei pelas gavetas vazias,
talheres repousados, chaves aquietadas,
descobri silêncios mais silenciosos,
não tive coragem para as fotografias,
No cansaço do choro fiz brigadeiro,
procurando na alma lugares para “nós”
coloquei um daqueles filmes sobre recomeços,
e, com as luzes acesas, adormeci...
Fátima Flores

domingo, 26 de março de 2017

O dia a dia..

Os dias vão passando ... a vida vai seguindo,
Tem dias que bem... família juntinha, sai até sorrisos...
Mas na verdade,estamos ali pela metade...
Sorrindo por fora mas sagrando por dentro,

A vida vai seguindo mas faltando uma linda parte da gente,
Vamos sobrevivendo um dia de cada vez,
Tentando sorrir ,tentando andar.
Você faz muita falta Letícia,
Saudades...muita saudades.
Mamãe Te Ama

sábado, 25 de março de 2017

Consolação...


" Não existe sofrimento maior do que a dor de perder um filho… Não entendo os nossos irmãos que combatem esse tipo de intercâmbio com o Mundo Espiritual, eles se esquecem de que os que partiram também desejam o contato…
O médium, sem dúvida, pode, em certas circunstâncias, rastrear o espírito, mas na maioria das vezes, é o espírito que vem ao médium …O trabalho da espiritualidade é intenso. Para que um filho desencarnado envie algumas palavras de conforto aos seus pais na terra, muitos espíritos se mobilizam … Isto não é uma evocação. Não raro, são os próprios filhos desencarnados que atraem seus pais aos centros espíritas, desejam dizer que não morreram, que continuam vivos em Outra dimensão, que os amam e que haverão de amá-los sempre …
Digo-lhes que, como médium, essa tarefa das cartas de consolação aos familiares em desespero na terra, foi o que sempre mais me gratificou…"

De Chico Xavier da

Obra: O Evangelho de Chico Xavier.

sexta-feira, 24 de março de 2017

superar? jamais!

Vínculos de amor,
Nossas mãos se estendendo sem contato físico,
Nossos olhos procurando uma imagem ausente,
Nossos ouvidos sem a voz tão familiar...
Um amor deixa de estar em nossa vida e nos
dizem que deve ser tratado como algo a superar,
como se fosse um obstáculo a ser transposto...
Amor pede ressignificação,um outro jeito de amar,
Amor pede memória...amor não deve ser “superado”...
(Teresa Gouvea)

quinta-feira, 23 de março de 2017

sempre penso...

Ontem a mamãe levou na vovó na UPA... Vi crianças lá, vi uma moça D.M, lembrei de você, queria você aqui, mas sem sofrimento... Te amo!

quarta-feira, 22 de março de 2017

Incombatível Saudade.


Meus pensamentos te buscam
O tempo se congela
E canções alimentam a alma.
A saudade
Torna-se dona de mim.
Tento ser forte
Suportando a saudade
E segurando as lágrimas,
Mas é inútil
Pois a noite é amiga da saudade
E unidas elas me vencem
E me faz render-se.
A saudade me prende
E as lágrimas me desobedecem,
Nada me faz esquecer
Nem passa-tempos me distraem
Cada gesto,
Cada olhar,
Está você...
Minha alma parece estar unida a sua
Pois já busquei mil maneiras
De lidar com a saudade
Mas ela sempre me vence...
É mais forte que meus instintos
É maior que meus limites
É uma
Incombatível Saudade.
Desc Autor.

terça-feira, 21 de março de 2017

Nossa família jamais será completa!

Está faltando alguém no quarto, no berço vazio...
Está faltando alguém em nossa casa, na nossa família.
Falta alguém para celebrar as festas de fim de ano, nas férias e
em todos os dias e noites.
Falta alguém em nossas vidas, nossa pequena partiu...
Não haverá nenhuma festa de aniversário, formatura ou celebrações.
Nós sentiremos sua falta até a eternidade, nossa família jamais será completa!
Mas nossas vidas foram tocadas por você, transformadas para sempre por sua breve existência...
Sua memória nos mantém vivos, nos mantém fortes e continuando mesmo sem você, que continua viva apenas em nossos corações e lembranças.
Fomos abençoados com sua vida!
Nosso amor por você é forte e fica mais a cada dia.
Mesmo que fique apenas um de nós, para sempre estará faltando você!

segunda-feira, 20 de março de 2017

Quando você partiu


Quando você partiu
Pensei que não viveria mais
Mas, meu coração decidiu
Que não se entregaria jamais.
Muito intensa foi a dor
Que parecia não ter fim
Pois, foi um grande amor
De repente arrancado de mim.
Porém, com o passar do tempo
Meu coração foi se acalmando
Que em determinado momento
A dor da saudade se abrandando.
Hoje te sinto presente
E é você que me fez aprender
Que quem mora dentro da gente
Não morre, e ainda, nos ensina viver.
Ataíde Lemos

domingo, 19 de março de 2017

É tão difícil...



Sabe, eu tenho dias mais cinzentos que outros.
Eu tenho sentido muito a sua falta. Tenho tido lembranças muito intensas. Tenho tentado despistar o pensamento pra não ter que mergulhar na saudade que existe em mim. Tenho tentado sorrir pra dor. Mas uma hora meus ombros desabam. E eu não desejo outra coisa, senão o teu colo.
Mas os dias estão passando...e vão continuar...não há outro jeito, a não ser aprender a conviver com esta dor.
Mas, sabe? É tão difícil...


Ressuscitando Sonhos